Compartilhe com seus amigos.

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Coroação da imagem de Nossa Senhora no Ipu



31 de maio de 2010. Coroação da imagem de Nossa Senhora na Igreja de São Sebastião do Ipu. Às 18:30h a comunidade do Ipu se reúne na Igreja Matriz para um momento de louvor e Ação de Graças, reverenciando

Nossa Senhora como Rainha do céu e da terra, escolhida por Deus Pai para ser a Mãe de Jesus, esposa do Espírito Santo. No céu, coroada pela Trindade, na terra amada por todos nós. Tema: Maria educou Jesus com os valores eternos.

Convidados: Escola - Família - Comunidade. Os organizadores da coroação fizeram uma cobertura repleta de simbolismo tendo como base a Campanha da Fraternidade 2010. Não houve apresentações, e na celebração pouca participação dos cenáculos. Convidaram as escolas como elo de ligação entre a Família e a Comunidade, tendo como responsabilidade principal a educação da sociedade. O nosso pároco, Padre Raimundo Nonato, não esteve presente,
pois teve que viajar representando a Diocese. Os primeiros a entrarem foram o Padre Marcone e a jovem que ofertou o coração e coroou a imagem de Nossa Senhora. O Instituto Kairós veio representado pelos seus idealizadores e diretores, trazendo um baú contendo o tesouro. No símbolismo do tesouro da família, amor da mãe pelos seus filhos. As preces foram pedidos de descobertas dos valores do coração: Justiça, Amor e Perdão.
A inversão de valores que o mundo vive hoje, a busca pelo Ter em detrimento do Ser, O globo terrestre veio simbolizando tudo que é natural, oferta de Deus para o bem de todos. Com o sub-tema: Promover a Vida através da Partilha, o globo terrestre foi conduzido por uma família representando o Colégio Ipuense. Com preces e pedidos de compaixão pelas crianças sem esperança, jovens perdidos e idosos abandonados, todos sem perspectivas de um amanhã melhor.
Na simbologia a divisão feita por Deus entre o Céu e a Terra, representados pela divisão de bens entre os povos. Cinco escola, representando os cinco continentes e sub-temas da Campanha da Fraternidade. Com apelos de uma educação consciente e verdadeira para a construção da sociedade, a Escola Murilo Rocha Aguiar pede à Mãe de Deus que volva o seu olhar materno para a Juventude e para
as crianças, para que possam esperança de um mundo de paz. A Escola Auton Aragão reflete no sub-tema: A Vida em 1º lugar, relembrando a decadência humana, onde o homem só vale pelo que tem ou pelo que é capaz de produzir. Nas preces os pedidos à Mãe de Deus para que oriente a humanidade na marcha rumo ao desconhecido, unindo família e escola na educação de crianças e jovens.
A escola Delmiro Golveia veio representada por uma família, em que o pai, trazendo o seu filhinho no colo e a mãe com outro filhinho no ventre. O sub-tema, a Vida ameaçada, faz com que o casal aos pés da Virgem peça a proteção divina para que mantenham seus filhos longe das drogas e da violência.

A Escola Thereza Odette, com o sub-tema: A Economia a serviço da Vida, simbolizou a semente lançada em terreno fértil e a esperança das bênção divinas sobre este terreno, para que em tempos de colheita, possam ser colhidos bons frutos. As preces foram feitas por todos que trabalham no setor educacional de Ipu e por todos que deram sua vida e o seu trabalho pela educação. A Escola CEJA refletiu no sub-tema:

Promover a Vida. Com a certeza de que todo educador recebe de Deus esta missão sublime, o representante da escola refletiu: "Nosso trabalho não é realizado por objetos materiais, e sim com mentes humanas, ajudamos a formar personalidades e despertamos os valores morais e intelectuiais. Precisamos ter controle emocional e espírito de renúncia".
A Escola Patronato Sousa Carvalho veio representada por um casal com seus filhos, onde um dos quais, trazia nas mãos a Palavra de Deus, orientação segura para uma vida digna.. Foi rezada a oração da Campanha da Fraternidade 2010, e nas preces o pedido de ajuda
à promoção de uma sociedade solidária em busca do Reino de Deus. A Secretaria de Educação do Ipu, representando os recursos naturais: Água, Ar, Solo, Plantas. A representante da Secretaria trouxe flores para depositar aos pés da Mãe de Deus em agradecimento à Mãe Natureza pelos presentes do céu e da terra, tão bem distribuidos para o nosso bem.

Representando a Comunidade dois casais trazem, respectivamente, o coração e a coroa simbolizando a entrega da família a Deus. É na Família que surgem todos os valores doados por Deus para a formação de uma sociedade justa e fraterna.
Com a ornamentação feita por Josemar, riquíssima em detalhes, um jogo de luzes muito forte, os fieis piedosamente assitiram a celebração. Os cânticos ficaram por conta do Ministério de Música da Comunidade Cristo Rei.