Compartilhe com seus amigos.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Entrevista com a Presidente da Família Franciscana

A ordem Franciscana Secular se reuniu no Ipu para o início de mais uma temporada de formação que acontece todos os anos no distrito 3 do Regional Nordeste A2. O regional é dividido em 11 distritos e a região da serra compõe o distrito 3. As fraternidades que participaram deste encontro foram: Viçosa do Ceará, São Benedito, Ibiapina, Ubajara, Guaraciaba, Ipu e Reriutaba. São 2 paróquias da Diocese de Sobral e 5 da Diocese de Tianguá.

O encontro teve início na Igreja Matriz com a Santa Missa as 7 horas da manhã. Depois foram para a Escola Auton Aragão, onde aconteceu a recepção e acolhida, já que muitos dos participantes chegaram atrasados devido a distância. Faz parte da filosofia dos encontros Franciscanos esperarem todos os convidados para o início dos encontros. Depois da palestra, o grupão é dividido em subgrupo para um estudo mais aprofundado. Tivemos a participação especial da presidente da família Franciscana do Brasil, a Eliziane que veio criar o núcleo da família franciscana do Brasil aqui na nossa região. Aproveitamos para uma entrevista com a mesma:

Osorio : Qual o grande empenho da Ordem Franciscana para contribuir com o serviço de Evangelização da Igreja no Brasil?

O desafio que nos é proposto hoje é a defesa do meio ambiente. Nossa bandeira de luta são as questões ambientais, o respeito pela natureza, a promoção de ações que estejam defendendo a vida e o meio ambiente.

Osorio : Diante do que a Igreja está pedindo no mundo inteiro (formador de discípulos missionários), qual a visão dos franciscanos?

A Ordem franciscana foi a 1ª ordem missionária que existiu na Igreja. Quando são Francisco teve aquela intuição de viver o evangelho de Jesus cristo, ele não quis ir aos mosteiros, ele morava em cabanas, porque ele sentia o apelo a ser missionário. A essência do nosso carisma é ser missionários.

Osorio : Gostaria de fazer um convite especial para quem se sentir atraído para o Carisma Franciscano?

O convite que a gente faz é se alguém sente o apelo de viver uma vida em fraternidade, sem apego, e querendo ser missionário, na Família Franciscana você tem espaço. A convivência é muito boa. Eu gosto muito de ser Franciscana, eu me sinto bem, realmente é uma família. Quando você se encontra, você se encontra com um grupo de irmãos, a gente se acolhe, se ama e se respeita profundamente.

Osorio : Qual a mensagem que você deixa para os nossos leitores?

No mundo de hoje precisamos de discípulos missionários. Nós precisamos assumir nosso batismo, nossa vocação cristã, vivendo o evangelho de nosso senhor Jesus cristo, em primeiro lugar, e dando testemunho do seguimento de Jesus para as pessoas que vivem num mundo tão sedento de Deus e de paz.