Compartilhe com seus amigos.

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Coroação da imagem de Nossa Senhora no Ipu



31 de maio de 2010. Coroação da imagem de Nossa Senhora na Igreja de São Sebastião do Ipu. Às 18:30h a comunidade do Ipu se reúne na Igreja Matriz para um momento de louvor e Ação de Graças, reverenciando

Nossa Senhora como Rainha do céu e da terra, escolhida por Deus Pai para ser a Mãe de Jesus, esposa do Espírito Santo. No céu, coroada pela Trindade, na terra amada por todos nós. Tema: Maria educou Jesus com os valores eternos.

Convidados: Escola - Família - Comunidade. Os organizadores da coroação fizeram uma cobertura repleta de simbolismo tendo como base a Campanha da Fraternidade 2010. Não houve apresentações, e na celebração pouca participação dos cenáculos. Convidaram as escolas como elo de ligação entre a Família e a Comunidade, tendo como responsabilidade principal a educação da sociedade. O nosso pároco, Padre Raimundo Nonato, não esteve presente,
pois teve que viajar representando a Diocese. Os primeiros a entrarem foram o Padre Marcone e a jovem que ofertou o coração e coroou a imagem de Nossa Senhora. O Instituto Kairós veio representado pelos seus idealizadores e diretores, trazendo um baú contendo o tesouro. No símbolismo do tesouro da família, amor da mãe pelos seus filhos. As preces foram pedidos de descobertas dos valores do coração: Justiça, Amor e Perdão.
A inversão de valores que o mundo vive hoje, a busca pelo Ter em detrimento do Ser, O globo terrestre veio simbolizando tudo que é natural, oferta de Deus para o bem de todos. Com o sub-tema: Promover a Vida através da Partilha, o globo terrestre foi conduzido por uma família representando o Colégio Ipuense. Com preces e pedidos de compaixão pelas crianças sem esperança, jovens perdidos e idosos abandonados, todos sem perspectivas de um amanhã melhor.
Na simbologia a divisão feita por Deus entre o Céu e a Terra, representados pela divisão de bens entre os povos. Cinco escola, representando os cinco continentes e sub-temas da Campanha da Fraternidade. Com apelos de uma educação consciente e verdadeira para a construção da sociedade, a Escola Murilo Rocha Aguiar pede à Mãe de Deus que volva o seu olhar materno para a Juventude e para
as crianças, para que possam esperança de um mundo de paz. A Escola Auton Aragão reflete no sub-tema: A Vida em 1º lugar, relembrando a decadência humana, onde o homem só vale pelo que tem ou pelo que é capaz de produzir. Nas preces os pedidos à Mãe de Deus para que oriente a humanidade na marcha rumo ao desconhecido, unindo família e escola na educação de crianças e jovens.
A escola Delmiro Golveia veio representada por uma família, em que o pai, trazendo o seu filhinho no colo e a mãe com outro filhinho no ventre. O sub-tema, a Vida ameaçada, faz com que o casal aos pés da Virgem peça a proteção divina para que mantenham seus filhos longe das drogas e da violência.

A Escola Thereza Odette, com o sub-tema: A Economia a serviço da Vida, simbolizou a semente lançada em terreno fértil e a esperança das bênção divinas sobre este terreno, para que em tempos de colheita, possam ser colhidos bons frutos. As preces foram feitas por todos que trabalham no setor educacional de Ipu e por todos que deram sua vida e o seu trabalho pela educação. A Escola CEJA refletiu no sub-tema:

Promover a Vida. Com a certeza de que todo educador recebe de Deus esta missão sublime, o representante da escola refletiu: "Nosso trabalho não é realizado por objetos materiais, e sim com mentes humanas, ajudamos a formar personalidades e despertamos os valores morais e intelectuiais. Precisamos ter controle emocional e espírito de renúncia".
A Escola Patronato Sousa Carvalho veio representada por um casal com seus filhos, onde um dos quais, trazia nas mãos a Palavra de Deus, orientação segura para uma vida digna.. Foi rezada a oração da Campanha da Fraternidade 2010, e nas preces o pedido de ajuda
à promoção de uma sociedade solidária em busca do Reino de Deus. A Secretaria de Educação do Ipu, representando os recursos naturais: Água, Ar, Solo, Plantas. A representante da Secretaria trouxe flores para depositar aos pés da Mãe de Deus em agradecimento à Mãe Natureza pelos presentes do céu e da terra, tão bem distribuidos para o nosso bem.

Representando a Comunidade dois casais trazem, respectivamente, o coração e a coroa simbolizando a entrega da família a Deus. É na Família que surgem todos os valores doados por Deus para a formação de uma sociedade justa e fraterna.
Com a ornamentação feita por Josemar, riquíssima em detalhes, um jogo de luzes muito forte, os fieis piedosamente assitiram a celebração. Os cânticos ficaram por conta do Ministério de Música da Comunidade Cristo Rei.

Leia a matéria completa aqui ►

Festa de Nossa Senhora de Fátima (Várzea do Giló) - 2010


30 de maio de 2010, festa de Nossa Senhora de Fátima, padroeira da Comunidade da Várzea do Giló, distrito de Ipu, localizada a 10 Km de Ipu, direção: Guaraciaba do Norte. Os festejos de cada comunidade são celebrados durante 9 dias pela comunidade e durante 3 dias, novena e Missa, e no 4º dia a festa da padroeira, presidida pelo Vigário paroquial, Padre Marcone. A comunidade da Várzea di Giló é muito acolhedora e participativa. Segundo relato do Pe. Marcone, durante os 3 dias de novena, a Igreja se manteve cheia e os fieis fervorosos celebraram piedosamente a sua padroeira.
Na última novena aconteceu o Sacramento da Confissão para as 23 crianças que foram preparadas pela catequese local. No domingo, durante a celebração, as crianças receberam o Sacramento da Eucaristia, na qual os nomes podem ser visualizados na página "Festa dos Santos", mais 4 crianças recebram o Sacramento do Batismo. A liturgia foi solenizada pelo coral Vozes de Maria. A catequese da Várzea do Giló tem procurado se organizar, são 6 catequistas trabalhando de 2 em 2, segundo o envio de Nosso Senhor Jesus Cristo aos seus discípulos.
O que ainda deixa a desejar é que não temos catequistas de perseverança, ficando assim, as crianças ociosas até a preparação para a Crisma. Como nós temos o grupo Juventude Marial Vicentina na comunidade, pedi a um dos memebros que o grupo pensasse na possibilidade de ter o Mini Maria, aproveitando as crianças que já fizeram a Eucaristia, já que a faixa etária corresponde aos diretórios da JMV. Expliquei para ele que o conteúdo utilizado por esta catequese podia ser o carisma mariano e que essas ao receberem o Sacramento da Crisma, automaticamente estariam passando para o grupo de Jovens. Ele prometeu e repassar e pensar no caso e dar uma resposta porteriormente.
A catequese do Ipu começa aos 7 anos com a Iniciação à Eucaristia; 8 anos a Pré; e 9 anos a Eucaristia; aos 10 anos a Criança recebe Jesus Eucarístico, devendo ingressar, em seguida em um grupo perseverante. No meu modo de ver este grupo deveria ser de uma pastoral ou grupos existentes na comunidade, pois seria uma preparação para o ingresso pastoral e o serviço de discípulo-missionário.

Leia a matéria completa aqui ►

domingo, 30 de maio de 2010

84 casamentos comunitários na Paróquia do Ipu



O Ipu está em Ação de Graças. Oitenta e quatro casais, depois de anos convivendo juntos, muitos filhos, alguns até netos, e um a primeira experiência no casamento. Todos esses casais pediram, as bênçãos de Deus e da Igreja para os seus relacionamentos.
Tudo começou com a celebração eucarística às 7h da manhã. O Presidente da celebração foi nosso pároco, Pe. Raimundo Nonato,e quem animou a liturgia e as leituras foi a Juventude Marial Vicentina. Como não aconteceu a Missa das 9h, a Igreja estava lotada.
A celebração matrimonial começou às 8h com a organização das filas. Primeiros os noivos entraram com seus padrinhos e aguardaram no altar, em seguida as noivas entraram também com seus padrinhos e foram recepcionadas pelos noivos que as acolheram com um beijo na testa e se dirigiram para os seus bancos.Padre Nonato fez uma acolhida geral, explicou os valores do casamento, agradeceu a Deus pela decisão dos
casais e pelo empenho de tanta gente para este ato de caridade cristã. Explicou que Deus dá o livre arbítrio para cada um fazer o que lhe convém, mas que, ao mesmo tempo são chamados para a graça, e que, por este motivo, o que está acontecendo hoje, no Ipu, é vontade de Deus.
Depois foram chamados oito casais de cada vez e celebrado o matrimônio. Após todas as celebrações o padre mais uma vez chamou casal pó casal para a entrega do certificado de casamento e os cumprimentos.

Com as bênçãos de Deus, estes casais começaram uma nova etapa em suas vidas. Apesar de há viverem juntos, agora estão abençoados por Deus, pela Igreja e pela comunidade.


Leia a matéria completa aqui ►

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Maio: mês das noivas; mês de Nossa Senhora


Todo mundo relaciona mês de maio com o mês das noivas. Talvez porque maio, além de ser dedicado a Maria, a noiva do Espírito Santo, seja também dedicado às mães e devido o fato de que no Nordeste, é nesta época que a vegetação está toda florida. Nesse mês lindo em que enfeitamos os nossos altares para receber a escolhida do Senhor, Maria Santíssima, aqui em Ipu nos preparamos para uma festa tão grandiosa quanto a celebração de Coroação da imagem de Nossa Senhora.

Desde março 100 casais da Paróquia do Ipu, que a anos vivem juntos, ou casados só no civil, estão se preparando para regulamentar sua vida matrimonial diante da Igreja, diante da comunidade e diante de Deus. Não poderia ser mais bonito, afinal de contas estamos falando de 100 famílias já existentes que chegaram à sua conversão e pedem as bênçãos de Deus. Tivemos 2 encontros de formação cristã para casais que aconteceram no NAPAM, no auditório do Patronato e até mesmo no Salão das Voluntárias de SVP.
Normalmente o 3º encontro é com o padre. Para que não complique a celebração matrimonial as assinaturas dos documentos dos noivos e testemunhas ocorreram na Secretaria da Paróquia durante a quinzena que passou. Hoje, 27 de maio, desde 8h até 11h, os Padres Raimundo Nonato e Marcone confessaram 53 casais. a próxima confissão está prevista para à tarde para os casais que ainda faltam.
A celebração matrimonial acontecerá no domingo a partir das 8h da manhã, neste dia só haverá Missa às 7h. Não haverá formação para Batismo, que é tradicionalmente todos os domingos; Missa das 9h; e celebração batismal. Às 7h da noite estará acontecendo o encerramento da festa de Nossa Senhora de Fátima na comunidade da Várzea do Giló, onde 23 crianças estarão tendo seu primeiro encontro com Jesus Eucarístico.

E para celebrar o mês de maio:
Leia a matéria completa aqui ►

quarta-feira, 26 de maio de 2010

domingo, 23 de maio de 2010

Nossa Senhora, Nossa Maezinha


Sábado passado aconteceu mais uma missa das crianças na capela do Patronato. As missas para as crianças acontecem todos os sábados as 16 horas. A missa faz parte da formação catequética. Para você saber como é organizada nossa catequese pode visitar a nossa página catequese de ipu ou o nosso Site. Para saber de todas as festas dos padroeiros de nossas capelas visite a nossa página Festas dos Santos.

Ela era devotada

Muito jovem já prendada

Adorava a Deus e a sua palavra

A vitória eterna já esperava.

Por ler sempre a sagrada escritura

Apareceu-lhe um anjo vindo das alturas

Palavras doces disse-lhes aquela criatura

Abençoada sois vós doce formosura.

Tu és bendita entre todas as mulheres

Porque disseste sim ao teu Senhor

Imaculada a tua Conceição, pois queres

Ser Mãe de Deus, Mãe de amor.

Virgem pura, santa, redentora, Mãe da Igreja

Nos acompanhe, a bênção, nos proteja

Para o Céu pelos anjos fostes levada

Por ser serena, firme, Imaculada.

A Terra é tão pequena para comportar tanto amor

Que só no Céu com toda honra pode ser coroada

Sendo Mãe de Deus,se for ainda desprezada

Estará sendo desprezado o próprio Criador.

Leia a mensagem completa em Mensagens Soares: Nossa Senhora, Nossa Maezinha

Para continuar celebrando o mês de maio:

Dia 25: Com Maria, na escuta do Mestre

Dia 24: Maria, pedagoga da evangelização

Dia 23: Maria, mãe da América Latina

Leia a matéria completa aqui ►

terça-feira, 18 de maio de 2010

Roma: Encontro reúne 800 superioras gerais de todo o mundo

Aconteceu em Roma, no Hotel Ergife, próximo ao Colégio Pio Brasileiro, entre os dias 7 e 11, a Assembleia Plenária Trienal da União Internacional das Superioras Gerais (UISG). A entidade foi fundada em 1965 com o objetivo de representar as 1900 congregações de direito diocesano e pontifício, com um número total de 750 mil religiosas. O evento reuniu 800 superioras gerais representando 600 mil religiosas ao redor do mundo. A diversidade de línguas, hábitos, uniformes ou estilo de trajes testemunhava a beleza da universalidade da Igreja.

E para você celebrar o mês de maio:
Leia a matéria completa aqui ►

Presidente da CNBB exorta jovens ao seguimento de Jesus

Dom_Geraldo_na_missa_da_juventude

“Meu irmão jovem, não tenha medo de seguir Jesus. Vale a pena deixar tudo e arriscar a própria vida para seguir Jesus”. Com estas palavras, o presidente da CNBB, dom Geraldo Lyrio Rocha, exortou a juventude a seguir Jesus Cristo “como discípulos e missionários”, na missa que presidiu na noite de ontem, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, por ocasião do 16º Congresso Eucarístico Nacional.

A missa da juventude foi precedida por uma longa caminhada dos jovens, saindo do Centro de Convenções Ulysses Guimarães até o local da missa. Após a missa, teve início uma vigília, na Esplanada dos Ministérios, com o Santíssimo Sacramento ficando exposto para adoração até às 6h deste domingo. Ao longo da noite, os grupos se revezaram na adoração.

Dom Geraldo conclamou os jovens a fazerem um encontro pessoal com Jesus Cristo. “Onde podemos encontrar Jesus?”, indagou. “Jesus está na Palavra contida nas Sagradas Escrituras, transmitida pela Igreja e ensinada autenticamente pelo magistério”, disse.

O arcebispo lembrou que Jesus está também “na Sagrada Liturgia; nos ministros que agem em seu nome [de Jesus]; nos sacramentos, especialmente, na Santíssima Eucaristia; na pessoa dos irmãos e irmãs, especialmente no menor, no pobre, no excluído, no sofredor”.

O 16º Congresso Eucarístico, organizado pela arquidiocese de Brasília, terminou neste domingo, 16, com missa às 9:30h, na Esplanada dos Ministérios.

Fonte: cnbb.org.br

Leia a matéria completa aqui ►

segunda-feira, 17 de maio de 2010

AO PE. MORAIS


Poesia dedicada ao Pe. Morais por ocasião do seu jubileu de ouro sacerdotal. Pe. Morais foi o primeiro vigário de Nova Russas, nos idos da Era de 30.

"Tu és sacerdos in aetcrnum!"
Disse Deus ao levita ...

. . . E, em mil novecenteos e trinta e sete,

ainda a voz de Deus:

"Tu és predestinado!"

"Terás a aura da lei

na fronte erguida,

vencerás o dragão,

e, a hidra, por ti,

será vencida".

A semente medrou.

Quantos ungiste

no dia extremo,

e, nas horas finais,

quantas preces e bênçãos

recebemos

do bom Padre Morais!

E, conduziste com fé, força

e coragem

Vê o passado ... nele te

debruças:

foste o pioneiro da fé

Em Nova Russas.

Homenagem de Zilmar Martins escrita em seu livro: "Nas plagas do curtume". O livro foi autografado pela escritora para o Mons. Moraes em 1993.

Leia a matéria completa aqui ►

Visita catequética à São José dos Martins

Eu Osorio Soares, coordenador de grupos de catequese na Paróquia de São Sabastião de Ipu, visitei neste domingo a capela de São José dos Martins para identificação e procura de soluções para problemas existentes na comunidade, na qual se afastaram as catequistas, não participando das reuniões de formações que acontecem mensalmente na Paróquia.A recepção foi maravilhosa; muitas mães presentes no salão de reunião da capela, participaram atentamente, perguntaram, escutaram, conversaram, enfim: Foi uma tarde muito proveitosa.
Diante dos problemas identificados as catequistas se desculparam com a comunidade e as mães prometeram ajudar na medida do possível, o bom andamento da catequese.Os problemas identificados foram corriqueiros, mas que não podem acontecer pois comprometem o bom desempenho da catequese. Problemas como: a falta de diálogo entre os catequistas; a falta de cooperação por parte de alguns pais; devido a falta dos catequistas nas formações paroquiais, os trabalhos diferenciado na aplicação dos conteúdos; a falta de organização nas estruturas que a Paróquia oferece.
Resolução dos problemas: Dei uma pequena catequese de participação dos pais na vida dos filhos, na vida da igreja e nos sacramentos. No segundo momento nos reunimos: coordenação, catequistas e membros da capela. Objetivos: organização e reestruturação do núcleo comunitário de catequese; suscitar liderança de grupo entre os membros; participação dos catequistas na formações oferecida pela Paróquia e nas celebrações litúrgicas comunitárias; compromisso com a igreja e com a comunidade; Incentivo para a missão na catequese; formação dos catequizandos a nível de discípulos missionários.
A equipe de catequese de São José dos Martins era liderada pela Silvana, segunda de cima para baixo nas fotos. O afastamento da mesma ocasionou os problemas. D. Celina (primeira nas fotos) não conseguiu liderar. Agora as três catequistas: D. Celina, Iana e raila irão escolher uma nova liderança e organizar a catequese comunitária. Com as bençãos maternas de Maria e a força do Espírito Santo, a Esperança nesta comunidade voltou a reinar.


Leia a matéria completa aqui ►

domingo, 16 de maio de 2010

Encerrado o 16º Congresso Eucarístico Nacional, em Brasília


multidao_cen_2010Sob um sol forte e uma temperatura que beirava os 32º, o povo brasiliense e demais caravanas vindas de todas as regiões do Brasil, munidos de fé e guarda-sol, compareceram à missa de encerramento do 16º Congresso Eucarístico Nacional (CEN), que aconteceu na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, e foi presidida pelo prefeito da Congregação para o Clero, cardeal dom Cláudio Hummes, e concelebrada por centenas de bispos e padres de todo o Brasil. O Congresso teve início na quinta-feira, 13.

carmosinaPara Carmosina de Sousa, 55 anos, o Congresso Eucarístico foi um momento de bênção para a Igreja Católica no Brasil. Ela diz que espera repetir novamente a participação no próximo Congresso. “O Congresso Eucarístico é uma bênção para a Igreja e para os fiéis. É importante a Igreja organizar eventos grandes como esse porque só assim a Igreja se encontra e partilha os compromissos unida”, disse.

raissaA jovem Raíssa Roberta de Almeida, 20 anos, veio da paróquia de São Mateus, do Setor de Mansões de Sobradinho II (DF). Ela destaca o Congresso como evento indispensável para o encontro dos jovens da Igreja Católica, que participaram em massa durante os quatro dias de encontro. “A juventude tem a possibilidade de se reunir em torno da Eucaristia, graças ao Congresso Eucarístico. Com esse encontro, muita coisa se transforma no mundo, que está precisando de paz”, sublinhou.

hamilton“É o encontro da unidade da Igreja no Brasil”. Foi o que disse Hamilton Sebastião Soares, 48 anos. Católico ativo e membro do Grupo de Casais com Cristo, ele disse estar contente com a participação dos fiéis de Brasília, durante os quatro dias de Congresso. “Fico muito feliz de vê a unidade da Igreja em torno da Eucaristia. O maior benefício do Congresso é a unidade do povo ao redor do Cristo Eucarístico. Além dos adultos, incentiva a juventude a ser honesta, saudável e pacífica”, afirmou.

Dom Cláudio Hummes

cardealDurante sua homilia, o cardeal dom Cláudio Hummes, afirmou que o “16º Congresso Eucarístico Nacional manifestou que a eucaristia é o centro da Igreja e da vida dos cristãos”. Ele também apontou Jesus Eucarístico como “força do discípulo e missionário”. Lembrando palavras do papa Bento XVI sobre a eucaristia, o cardeal destacou que “a eucaristia tem tudo a ver com o domingo” e que os fiéis não podem deixar de participar da eucaristia no dia do Senhor. “Domingo sem missa não é um domingo completo”, frisou.

Dom Cláudio também lembrou a figura dos mártires brasileiros, os quais ele disse ser “uma das maiores glórias da Igreja no Brasil” – e convidou os brasileiros a seguirem o mesmo exemplo de “testemunho privilegiado do Evangelho”. Sobre o lema do 16º CEN, “Fica Conosco, Senhor”, o cardeal afirmou que são “palavras de súplica ouvidas por Deus hoje e até o fim dos tempos”.

O enviado do papa Bento XVI ao 16º CEN concluiu a homilia ressaltando que o encerramento da missa não é o fim do Congresso Eucarístico, mas um novo começo para a Igreja. “O encerramento dessa missa representa um novo impulso para anunciarmos o Cristo para todas as criaturas”.

Leia homilia na íntegra

Dom Geraldo Lyrio Rocha

O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Geraldo Lyrio Rocha, agradeceu a participação de todos os bispos, padres, diáconos, seminaristas e fiéis – presentes durante os quatro dias de Congresso. De modo especial, ele dirigiu uma saudação de agradecimento ao arcebispo metropolitano de Brasília, dom João Braz de Aviz, pela realização do Congresso. “Dom João, muito obrigado pela acolhida, pela dedicação, ardor e zelo que foram manifestados durante esse Congresso Eucarístico. Brasília está de parabéns pelo acolhimento”, disse dom Geraldo, que foi aplaudido de pé pelos participantes.

O presidente da CNBB também anunciou o local de realização do próximo Congresso Eucarístico, que também foi bastante aplaudido pela multidão que se aglomerou na Esplanada dos Ministérios. “Quero vos lembrar que a CNBB aprovou a realização do 17º Congresso Eucarístico Nacional, que será em Belém (PA) – por ocasião do 4º centenário da cidade de Belém”.

Dom Alberto Taveira Corrêa

Ao lado de dom Geraldo estava o arcebispo de Belém (PA), dom Alberto Taveira Corrêa, que, em nome de toda a arquidiocese de Belém e de todos os bispos da Região Amazônica, agradeceu à CNBB por lhes confiar o próximo Congresso Eucarístico. Ele aproveitou e fez o convite para todos ali presentes irem ao 17º Congresso Eucarístico Nacional. “Quero convidar todo o Brasil a participar do Congresso Eucarístico em Belém. Em nome dos bispos da Amazônia e de toda a arquidiocese de Belém já posso dizer, sejam todos bem-vindos”.

Dom João Braz de Aviz

O arcebispo de Brasília, dom João Braz de Aviz, entregou nas mãos de dom Cláudio Hummes uma imagem de Nossa Senhora Aparecida. Ele disse que é um presente do Congresso Eucarístico ao papa Bento XVI. O cardeal foi presenteado com um cálice e uma patena, personalizados com a logomarca do CEN-2010.

Uma chuva de pétalas de rosas vermelhas, jogadas de dois helicópteros do exército brasileiro, fecharam com chave de ouro, o 16º Congresso Eucarístico.

Leia a matéria completa aqui ►