Compartilhe com seus amigos.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Absurdo: Ativistas gays atacam Bispo


Ativistas seminuas do grupo feminista Femen invadiram uma conferência em uma universidade de Bruxelas. Durante o ato as manifestantes jogaram água no arcebispo de Mechelen-Bruxelas, Andre-Joseph Leonard. O bispo não reagiu e evitou olhar para as manifestantes.
01_102_231-alt-20130423155007179RTS
De maneira absurda elas atacam o bispo.
02_102_231-alt-20130423155007757RTS
Como muitos, elas levantam um cartaz que diz: ” Pare a homofobia” o que elas ainda não entenderam é que a Igreja não odeia, recrimina ou agride homossexuais, vejam o que diz o Catecismo:
03_102_231-alt-20130423155504919AFP
§2358 Um número não negligenciável de homens e de mulheres apresenta tendências homossexuais profundamente enraizadas. Esta inclinação objetivamente desordenada constitui, para a maioria, uma provação. Devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza. Evitar-se-á para com eles todo sinal de discriminação injusta. Estas pessoas são chamadas a realizar a vontade de Deus em sua vida e, se forem cristãs, a unir ao sacrifício da cruz do Senhor as dificuldades que podem encontrar por causa de sua condição.
§2359 As pessoas homossexuais são chamadas à castidade. Pelas virtudes de autodomínio, educadoras da liberdade interior, às vezes pelo apoio de uma amizade desinteressada, pela oração e pela graça sacramental, podem e devem se aproximar, gradual e resolutamente, da perfeição cristã.
An activist from women's rights group Femen sprays water at Belgian Archbishop of Mechelen-Brussels and Primate of Belgium Leonard during a conference at Brussels university ULB
Essa imagem fala mais que qualquer descrição.
BELGIUM-POLITICS-GAY-DEMONSTRATION
Vejam o ódio estampado nas ativistas. E nós? Vamos assistir a Igreja ser atacada? Vamos ficar calados?
Belgian Archbishop of Mechelen-Brussels and Primate of Belgium Leonard reacts after activists from women's rights group Femen sprayed water at him during a conference at Brussels university ULB
O protesto foi contra a homofobia e em defesa do casamento gay, de acordo com agências internacionais. No fim do protesto, o arcebispo beijou uma imagem da Virgem Maria ao deixar a sala.
LEVANTEM-SE CATÓLICOS!!!
Fotos: AFP e Reuters