Compartilhe com seus amigos.

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Quem faz a vontade de Deus é recompensado com a SUA presença.

Encontro de catequese dos dias 21 e 22 /março
V Domingo da quaresma – Recriar

Preparando o Ambiente – O Coração de Jesus, desenhado no isopor deve estar em lugar de destaque. Coloque uma vela ou círio, acesa, próximo ao coração. Prepare as sete chaves antecipadamente. 
1º Momento - O Pai bondoso acolhe seus filhos no colo com Amor
Acolhida: Já aprendemos o pecado é uma desobediência e isso nos afasta de Deus. Mas Deus é Pai e por isso está sempre pronto para nos perdoar, porem existe uma exigência lógica: reconhecer-se pecador e Arrepender-se de ter pecado. Isto mostra que queremos crescer na fé, vivermos santamente, ser discípulos de Jesus. O mestre não gosta de ver seus discípulos tristes, caídos, e quando isto acontece, ELE estende a mão e diz: “Levanta e vem para o meio”. Quando a gente aceita segurar firme a mão de Jesus, Ele nos Edifica e nos ensina que a melhor maneira de sermos seus discípulos é Glorificar a Deus com nossas vidas. 

Abertura: Duas crianças procurando Jesus; Felipe e André; Jesus; o catequista fará a voz de Deus. 
Oração Inicial: As crianças devem persignar-se com o auxílio dos catequistas. 
Catequistas: Sejam todos bem vindos-(as). Hoje, iremos aprender a viver constantemente em estado de conversão. Você sabe o que é conversão? Deixar as crianças responderem. Conversão é um ato de mudança de vida. Deixar velhos hábitos e  adquirir novos que melhorem sua vida.
Crianças: Senhor Jesus, somos tão pequenos e nossos pecados são induzidos por outras pessoas. O Senhor sabe que nosso coração ainda é puro e que anseia por ser seu. Ajuda-nos a mudarmos de vida e escutarmos apenas as coisas boas da vida, ensinadas pelos seus anjos e pelos seus santos. 
Catequistas: Senhor  Jesus tenha compaixão de nós,
 Crianças: Porque somos pecadores
Catequistas: Por ser puro amor sede misericordioso para conosco.
Crianças: E dai-nos a vossa salvação
Catequistas: Por ser Filho de Deus perdoe os nossos pecados  Crianças: E nos conduza a vida eterna. Amém
2º Momento – A Palavra de Deus é Luz para nós. Jo 12,20-33.
Hoje a nossa leitura será dramatizada. Jesus está sentado próximo ao coração da dinâmica. Os discípulos André e Felipe estão um pouco distantes conversando. Entra duas crianças correndo e gritando, e sacudindo os discípulos:
Crianças: Queremos ver Jesus! Queremos ver Jesus! 'Senhor, gostaríamos de ver Jesus.'
Felipe  e André responderam: - Calma. Nós os levaremos ao Mestre.
Ao vê-los Jesus respondeu: - Chegou a hora em que o Filho do Homem vai ser glorificado. Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo que cai na terra não morrer, ele continua só um grão de trigo; mas se morrer, então produzirá muito fruto. Se alguém me quer servir, siga-me, e onde eu estiver, estará também o meu servo. Se alguém me serve, meu Pai o honrará. Agora me sinto angustiado. E que direi? `Pai, livra-me desta hora!'? Mas foi precisamente para esta hora que eu vim. Pai, glorifica o teu nome!' 
Então, veio uma voz do céu:
Catequista - 'Eu o glorifiquei e o glorificarei de novo!'
A multidão que lá estava e ouviu, dizia:
 Todas as Crianças: O que foi isto, um trovão?
Outros afirmavam:
Todas as Crianças: Não. 'Foi um anjo que falou com ele.'
Jesus respondeu e disse: 'Esta voz que ouvistes não foi por causa de mim, mas por causa de vós. É agora o julgamento deste mundo. Agora o chefe deste mundo vai ser expulso, e eu, quando for elevado da terra, atrairei todos a mim.' Jesus falava assim para indicar de que morte iria morrer. Palavra da Salvação. 
(Leitura orante) Jesus diz o que um discípulo deve fazer. Quem quer ser discípulo de Jesus? O que devem fazer então? E se vocês seguirem Jesus, que recompensa terão?  Quando temos um problema costumamos pedir logo que Deus nos livre. Jesus fez o mesmo? O que disse Jesus em relação a isso?

Reflexão: Precisamos aprender a GLORIFICAR o nosso Deus. Foi o que aprendemos no encontro passado. Quem GLORIFICA A DEUS recebe um escudo protetor e terá sua vida glorificada assim como diz o Salmos 18:2: “O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio”. O que disse a voz vinda do céu? Como verdadeiros discípulos de Jesus, precisamos nos converter, RECRIAR uma vida nova.
3º Momento – Abertura da Porta  ‘RECRIAR’
Catequistas: Crianças, imagino que vocês já estão vendo a beleza que é a proposta de ser discípulo de Jesus. Vida nova, santidade, amor de Deus constante na vida... Como fazer para ter uma vida nova em Jesus Cristo? O segredo está no seu coração. É por isso que vamos abrir mais uma porta. E a palavra chave desta porta é: “Jesus Cristo é a «Boa Nova de valor eterno» (Ap. 14, 6), sendo «o mesmo ontem, hoje e pelos séculos sem fim» (Heb 13, 8), mas a sua riqueza e a sua beleza são inesgotáveis. Ele é sempre jovem, e fonte de constante novidade. A Igreja nos ensina que Ele pode sempre renovar a nossa vida e a nossa comunidade. Esta é a proposta cristã, mesmo que passemos pelas maiores dificuldades, aquele que perseverar no seu amor será RECRIADO para uma vida nova. O Espírito Santo de Deus renova todas as coisas. Se você quiser ele também pode te ‘RECRIAR’ ”.
4º Momento – Compromisso de um verdadeiro discípulo
Catequistas: Acredite. Jesus renova tudo o que Ele quiser. Mas Ele te ama tanto que respeita a sua vontade. Veja como funciona: Deus ama tanto a humanidade que envia SEU FILHO único para salvação da humanidade. Jesus ama tanto SEU PAI a ponto de morrer para salvar a humanidade. E nós, o que estamos fazendo pelo AMOR DE DEUS.
Rezemos juntos: DEUS, Criador da minha vida, renova-me: traz-me para uma nova vida em Ti. Toca-me e faz-me sentir integra novamente. Ajuda-me a ver o Teu Amor na Paixão, morte e Ressurreição de Vosso Filho...  Pai Santo, que Jesus mande sobre mim o Espírito Santo, conduzindo-me neste tempo favorável a uma sincera conversão.
Desafio para a semana: Você acredita que seus pais te amam? Que tal conversar com eles dizendo que quer ser um filho melhor, mais obediente e perguntá-los: O que preciso mudar na minha vida? Faça um exame de consciência e assuma um compromisso com você mesmo. Escreva tudo no seu caderno.

Todas as noites e ao amanhecer reze esta oração: “Glória e Louvor sejam dadas a TI meu Senhor, que me deste Jesus como Salvador. Dou-te graças Jesus, porque aceitaste dar a vida por mim". Desafio para a vida: Para ser um discípulo de Jesus basta segui-lo. Quer dizer: fazer a sua vontade, cumprir com os mandamentos de SEU PAI.
Está  disposto? Faça um texto dizendo o que deseja fazer para ser discípulo do Senhor e o que desejaria fazer em sua igreja.
Encontros: Noé e o dilúvio / Jacó: o pai de doze tribos / Moisés
Meditação para os encontros: Deus criou o mundo por amor e do SEU infinito amor. A criação, desde o princípio que se revolta com Deus por puro egoísmo e desobediência. Más, como Pai, Deus não abandona a humanidade.  A primeira vez que os homens se revoltaram com Deus, o Senhor escolheu uma família que o obedecia e deu ordens para salvasse a maior quantidade possível de sua criação. Por incrível que pareça só a família de Noé acreditou em sua Palavra. E desta família o Senhor RECRIOU toda a humanidade que hoje conhecemos. Vimos no encontro passado que Deus prometeu a Abraão fazer dele uma grande nação. Abraão acreditou. Mesmo só tendo dois filhos, Abraão não duvidou. Morreu glorificando a Deus. A promessa de Deus veio a ser cumprida em seu neto Jacó, que veio a ter doze filhos, cada um pai de uma tribo, hoje, cidades de Israel, nome que o Senhor deu a Jacó. Jacó amava  tanto a Deus que confiava no Senhor a ponto de nunca se revoltar com seu Criador. Sofreu muito, mas estava sempre glorificando a Deus. Este amor foi recompensado com a promessa de Abraão. O povo de Deus logo esqueceu da benevolência de Deus e devido a dificuldades na vida acabaram escravizados no Egito. Deus não fica feliz ao ver seus filhos escravizados, mesmo que seja por escolha própria. Escolheu um homem chamado Moisés para conduzir o seu povo até a terra prometida. Vejam que o Senhor não esqueceu de sua promessa. O povo é que se antecipa sempre, buscando fazer sua própria vontade. Quem faz a vontade de Deus é sempre recompensado com a SUA presença. Quem desobedece se afasta de Deus e fica sujeito ao pecado. Foi Moisés que esteve na presença de Deus e trouxe para nós os mandamentos da salvação.
Orações do Cristão: Decorar em casa as perg.: 8 ao 11 do livro de oração.