Compartilhe com seus amigos.

domingo, 25 de dezembro de 2016

Mensagem de Natal e Ano Novo para os Catequistas


Acordei hoje, pleno  dia de Natal,  com uma vontade imensa de dar um presente ao aniversariante, Jesus Cristo afinal, além de aniversariante é meu maior amigo.
Sai cedo de casa, sozinho, rumo a festa do aniversariante e pensando: Um momento doce e cheio de significado para as nossas vidas. Natal de Jesus. Celebramos com entusiasmo todos os aniversariantes que conhecemos, damos presentes... e para Jesus, qual o presente ideal?
É tempo de repensar valores, de ponderar sobre a vida e tudo que a cerca. É momento de deixar nascer essa criança pura, inocente e cheia de esperança e que ELA venha fazer morada dentro de nossos corações.
Por um tempo parei e refleti: Que presente poderia ser melhor do que a minha vida? A minha Família estando ao SEU serviço? E a ajuda de tantos amigos que se unem a nós para fazer acontecer o SEU Reino aqui na terra?
Então decide e ofereci a Jesus o conteúdo de minha reflexão.
Queridos catequistas, que neste Natal você e sua família sintam mais forte ainda o significado da palavra amor, que traga raios de luz que iluminem o seu caminho e transformem o seu coração a cada dia, fazendo que você viva sempre com muita felicidade. Refaça seus planos, reconsidere os equívocos e retome o caminho para uma vida cada vez mais feliz, junto a Jesus e todas as criancinhas queridas DELE. Queremos viver cada dia, cada hora e cada minuto em sua plenitude, como se fosse o último... como se cada criança de nossa catequese fosse o menino Jesus. Queremos renovação e buscaremos os grandes milagres da vida a cada instante.
E neste Ano Novo é hora de renascer, de florescer, de viver de novo. Recomeçar nosso processo de Iniciação a Vida Cristã a começar pela nossa própria convicção.

                Feliz Natal e Feliz Ano Novo Cristão.
Leia a matéria completa aqui ►

sábado, 24 de dezembro de 2016

Mensagem de natal 2016

Vivemos a procura de tantas coisas e esquecemos o essencial que vive a nossa procura. Onde está Aquele que nos amou primeiro? ... Qual o espaço que ELE ocupa em nosso coração? ... Qual o grau de parentesco que temos com ELE? ... Onde armamos a nossa manjedoura? ...
A primeira coisa que o Natal nos chama a fazer é isto: dar glória a Deus, porque Ele é bom, é fiel, é misericordioso. Que possamos rezar com amor o salmo 118:
Aleluia. Louvai ao Senhor, porque ele é bom;
porque eterna é a sua misericórdia.
Diga agora a minha casa: Eterna é sua misericórdia.
Proclame  minha família: Eterna é sua misericórdia.
E vós, que temeis o Senhor, repeti: Eterna é sua misericórdia.
Hoje celebramos o Natal de Jesus. O Filho de Deus nasceu: tudo muda. O Salvador do mundo vem para se tornar participante da nossa natureza humana: já não estamos sós e abandonados. Deus está ao nosso lado. ELE se fez “O Deus Conosco”.  Que cada um possa sentir esta presença inigualável de Deus ao nosso lado... mas, você só poderá ver com os olhos da Alma, do coração... portanto feche os seus olhos, sinta esta presença Real... Deixa Jesus te abraçar... (Se quiser podem continuar com os olhos fechados)
Você que é Pai, Mãe, sabe o quanto é maravilhoso abraçar uma criança. Abrace este menino Jesus que acabou de nascer. Sinta o Perfume da Esperança que nasce... Sinta a Macieza da Paz que nos espera... Sinta a Ternura do AMOR nos envolvendo.
Em Jesus manifestou-se a graça, a misericórdia, a ternura do Pai: Deus é AMOR Sublime, Perfeito... Jesus é o Amor feito carne. Ame, sem distinção.
O dom precioso do Natal é a paz, e Cristo é a nossa paz verdadeira. Cristo bate à porta dos nossos corações para nos conceder a paz, a paz da alma. Abramos as portas a Cristo!”
Como acolhemos a ternura de Deus? Deixo-me alcançar por Ele, deixo-me abraçar, ou impeço-lhe de se aproximar? ‘Oh não, eu procuro o Senhor!’ – poderíamos replicar. Porém a coisa mais importante não é procurá-Lo, mas deixar que seja Ele a procurar-me, a encontrar-me e a cobrir-me amorosamente das suas carícias. Esta é a pergunta que o Menino nos coloca com a sua mera presença: permito a Deus que me queira bem?
Agora, abrace a todos que você puder alcançar. Saia do seu comodismo, do seu conforto e vá o encontro do outro. Leve este Deus que está dentro de você. Mas, não esqueça que Deus também está dentro do outro, receba-o. Deseje a ele um Feliz Natal com Cristo.
Leia a matéria completa aqui ►

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Mudanças no Clero de Sobral

Na manhã do dia 17/12/16, durante o encerramento do encontro para discutir o Plano Pastoral, foi anunciado algumas transferências do Clero Diocesano.

Acompanhe a lista completa;

01. Monsenhor Rômulo, do Marco para Morinhos;
02. Pe. Nonato Timbó, de Ipu para o Marco;
03 Pe. Jacó, de Morrinhos para Varjota;
04 Pe. Eufrázio da Silva, de Varjota para Reriutaba;
05. Pe. Marcos Ribeiro. de Reriutaba para Mucambo;
06. Pe. Aristides, de Mucambo para Paróquia de Fátima/Sobral;
07. Pe. Antônio José, de Paróquia de Fátima para Groaíras;
08. Pe. João Oliveira, de Groaíras para Moraújo;
09. Pe. João Jesuíno, de Moraújo para Pacujá;
10. Pe. Berg. de Pacuja para Taperuaba;
11. Pe. Antônio Denílson, de Taperuaba para Coreaú;
12. Pe. Lucione Queiroz Holanda, de Coreaú para Catedral/Sobral;
13. Pe. Herlandino Sampaio, de Acaraú para Catedral/Vigário Paroquial;
14. Pe. João Batista Vasconcelos, da Catedral/Sobral para Ipu;
15. Diácono Elmir, de Moraújo para Ipu;
16. Diácono Valdir Braga, de Taperuaba para Coreaú;
17. Diácono Jocélio, Santana do Acaraú para Acaraú;
18. Pe. Marcos Uchoâ, da Catedral/Sobral para Aérea Pastoral de Celsolândia/Acaraú;
19. Pe. Assis Neto, Área Pastoral de Rafael Arruda/Sobral para futura Área Pastoral do Jordão/Sobral;
20. Pe. Eufrázio Pontes Ribeiro, Capelania de Nossa Senhora das Graças/Sobral para Área Pastoral de Rafael Arruda;
21. Pe. Lucas do Nascimento Moreira, de Ipu para Sumaré/Sobral e Capelania de Nossa Senhora das Graças/Abrigo;
22. Pe. Florêncio, de Coreaú para o Sumaré/Abrigo.

Que Deus de bondade abençoe à todos nesta em suas novas Paróquias e Áreas Pastorais.
Quem poderia dizer que seria a última Festa Eucarística com as crianças, no Processo de Iniciação a Vida Cristã. com a presidência do nosso Pároco, Padre Raimundo Nonato Timbó de Paiva. Hoje pela manhã ouvia suas brincadeiras, dizendo as coisas que não consegui fazer nestes anos todos. Gostaria de Dizer que o Senhor conseguiu fazer muita coisa, e coisas importantíssima para todos nós. Quando chegastes aqui, criança nem participava de Celebração Eucarística... Agora vemos estas crianças celebrarem, quase sem ajuda dos adultos. São frutos valiosíssimos.


Leia a matéria completa aqui ►

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Primeira Eucaristia no dia da Imaculada Conceição

         Dia 8 de Dezembro de 2016, dia em que a igreja celebra a Imaculada Conceição, a Paróquia São Sebastião de Ipu celebra a Festa da Primeira Eucaristia de suas crianças, dentro do processo de Iniciação a Vida Cristã. Estas crianças passam 3 anos na catequese, com poucas exceções. O resultado é positivo, pois ao termino de cada turma contamos com crianças desejosas de continuar a servir sua igreja como discípulos mirins, quer seja na IAM (Infância e Adolescência Missionária), quer seja na própria catequese. Abrimos espaços para que elas possam ser catequistas mirins ou, ajudantes de catequese, a começar pela pré catequese, trabalhando com crianças de 7 anos.
São 31 Centros Catequéticos espalhados por toda a Paróquia. São 178 Catequistas, trabalhando de dois em dois assim como o Senhor Jesus ensinou. Ao todo acolhemos mais de 1000 crianças nas 3 fases durante o ano. Nesta festa trouxemos 328 crianças para fazerem sua Primeira Comunhão.

Foi uma festa maravilhosa. No Ano Santo da Misericórdia Divina, vimos as crianças bem celebrarem com pouca intervenção de adultos. Os catequistas estavam ao lado só para auxiliarem, mas não precisava interferirem em nada. Tudo isto são os frutos colhidos de uma catequese que inicia-se Aos 7 anos, aos 8 fazem o seu Rito de Admissão na Igreja com a acolhida do próprio Pároco, no encerramento do segundo ano faz o Rito de Passagem recebendo da Igreja o Credo e fazendo junto com os Pais a sua Profissão de Fé e, aos 10 anos se encontra com Jesus Eucarístico pela primeira vez na Festa da Imaculada. Durante os dois últimos anos de preparação, os que frequentam a catequese no centro da cidade, participam da missa da catequese que acontece todos os sábados as 16 horas na Capela da Medalha Milagrosa de Nossa Senhora. Esta missa é solenizada pelas próprias crianças, que já fizeram sua primeira Eucaristia e outras que estão se preparando. Isto facilita a catequese.

A 10 anos ajudo a coordenar a catequese e sempre temos dificuldades com os cânticos pois, apesar de serem cânticos bonitos são muito difíceis de cantar. Com a força do Espírito Santo, aos poucos viemos corrigindo os erros cometidos nos outros anos. Agora podemos agradecer esta força incrível, manifestada nas crianças.

            Ainda está longe de fazermos a vontade de Deus, mas já posso dizer: Muito obrigado Senhor, por me deixar tentar. É muito gratificante ser catequistas. Não tenho as palavras certas para agradecer.
            A Celebração Eucarística foi Presidida pelo Pároco, Padre Raimundo Nonato e có-celebrada pelo Vigário Episcopal, Padre Lucas.
Leia a matéria completa aqui ►